3.04.2012

as minhas árvores

Apesar de já se sentir o cheirinho da Primavera no ar, a maior parte das árvores continuam assim.
Mostrando as cicatrizes e as rugas. Despidas.
Esperam que a nova folhagem as vista de novo e as encha de vida.
Pássaros, bichinhos, frutos.

Aqui e ali novos rebentos vão despertando.
É hora de sacudir o gelo e o frio.
Abraçar o calor, energizar as raízes e a terra.
Como é bom sentir o acordar da Natureza!







Sem comentários:

Enviar um comentário