Flora

O dia de Natal começou calmo e sereno, preguiçoso. Preparava-mo-nos para sair de casa, para almoçar em casa da minha mãe, e tudo se desmoronou num segundo... Uma das minhas irmãs ligou-me aflita para eu procurar na net veterinários abertos para urgências aqui nas redondezas... A nossa linda Flora tinha sido envenenada... Tentou-se de tudo... mas quando finalmente consegui que atendessem o telefone numa das clínicas a 15km e se preparavam para sair com ela... ela morreu. 
A linda Flora, a cadela que ria literalmente com todos os dentes, a líder da matilha, morreu, e deixou o nosso natal e a vida da minha mãe mais triste.
... e fica também o sentimento de impotência e de revolta com a maldade do ser humano...

1 comentário:

  1. Não consigo perceber o porquê de se fazer isso a um animal...enfim...
    Beijinhos

    ResponderEliminar