ainda, de lá de cima

Ficam aqui as últimas fotos deste giro por terras do norte, de uma zona que tanto gosto e há muito não visitava. Sou um bocadinho de lá também, não sei porquê, ou talvez saiba... ainda devo herdar uns genes das gentes do Minho e Trás-os-Montes que fazem parte da minha árvore genealógica.

Com muita pena, no regresso, que se fez por um caminho diferente, para sul, em direcção a Vila Verde - Braga, uma parte da paisagem está destruída pelos fogos recentes, a vegetação é escassa e rasa, as manadas de vacas e cavalos que andam livres por aqueles montes, para não falar da restante fauna natural que não vemos, pouco alimento têm. Má gestão florestal? Abandono? Desleixo? Politiquismos? Como chega o Parque Nacional, o único em Portugal, a este estado? ...????...










1 comentário:

  1. Ai o Norte, meu Deus, ai o Norte... Também eu me sinto um bocadinho lá de cima! Mas eu não sei mesmo porque sinto isto porque, tanto quanto sei, não tenho genes vindos de lá. Mas que adoro o Norte desde pequena, adoro. Lindas as fotos e devem ter sido uns dias muito bem passados, sim senhora. Boa continuação!

    ResponderEliminar